Liberdade em cena


Há dezoito anos, o Observatório de Comunicação, Liberdade de Expressão e Censura – OBCOM - USP vem estudando a interdição de peças teatrais no Estado de São Paulo, a partir do Arquivo Miroel Silveira, composto por 6137 processos de censura prévia ao teatro de 1930 a 1970. Para levar ao conhecimento do público obras que foram censuradas, promoveu, juntamente com o CPF SESC SP, a Leitura Dramática de textos de importantes autores como Dias Gomes e Gianfrancesco Guarnieri, em projeto intitulado Censura em Cena. Agora, fazendo um contraponto a esses vetos, promove o projeto Liberdade em Cena, com a Leitura Dramática e o debate de peças que, liberadas para encenação, mudaram a dramaturgia e o teatro brasileiro. Obras de Ariano Suassuna, Plínio Marcos, Oduvaldo Vianna Filho, João Cabral de Melo Neto e Chico Buarque de Holanda, entre outros, terão Leitura Dramática e fecundo debate sobre o caráter renovador e ressignificador da arte. As Leituras Dramáticas serão dirigidas por Roberto Ascar e será seguida de debate com especialista e com o público presente. 
Nossa intenção é mostrar que a arte transforma a cultura e nossas formas de interpretação do mundo. Pretendemos também defender a liberdade de expressão que permite que essas obras cheguem ao público, a quem de fato pertencem.